15.12.15

O nascimento do basquetebol na voz do seu pai



Na próxima segunda, comemoram-se 124 anos da realização do primeiro jogo de basquetebol (ou do que mais tarde viria a ser basquetebol). E parece que não foi um jogo muito pacífico. "Os rapazes começaram a placar, a pontapear e a lutar. Acabaram num vale-tudo no meio do chão do ginásio. Antes que os conseguisse separar, um estava inconsciente, vários deles tinham olhos negros e um tinha um ombro deslocado." 
É pela voz do próprio James Naismith que ficamos a conhecer este primórdio sangrento do jogo de basquetebol, numa gravação áudio recentemente descoberta nos arquivos da antiga estação de rádio americana WOR-AM.

Até hoje pensava-se que não existia qualquer registo áudio ou em filme do inventor do jogo. Mas agora, como nos conta hoje o New York Times, graças ao Dr. Michael J. Zogry, que descobriu a gravação quando fazia pesquisa para um livro sobre a influência da religião na vida de Naismith, podemos ouvir o próprio Professor Naismith a recordar a pré-história deste desporto que todos adoramos.

A gravação é do dia 31 de Janeiro de 1939 (apenas alguns meses antes da sua morte) e é um excerto de um programa aonde Naismith foi falar de... basquetebol, claro, e recordar a criação do jogo.

São apenas 2 minutos e 46 segundos, mas é uma gravação incrível e um privilégio que pensávamos não ser possível: ouvir, nas próprias palavras e na voz do próprio criador do jogo, a estória de como tudo começou.

Posso ser eu que sou fanático por basquetebol e um bocado piegas com estas coisas, mas fiquei emocionado ao ouvir o homem falar e ao imaginar aquele dia em que, pela primeira vez, se passou uma bola por um cesto. Mais uma vez e sempre: Obrigado, Dr. Naismith!


Sem comentários:

Enviar um comentário