4.11.12

Boletim de Avaliação - Golden State Warriors


Continuando com os Boletins de Avaliação, depois dos Clippers, vamos manter-nos pela Pacific Division e vamos até à equipa que ontem lhes ganhou:


Golden State Warriors

Saídas: Dorrell Wright, Nate Robinson, Mikki Moore, Chris Wright e Dominic McGuire
Entradas: Jarrett Jack, Carl Landry, Harrison Barnes (7ª escolha no draft), Festus Ezeli (30ª escolha no draft), Draymond Green (35ª escolha no draft) e Kent Bazemore (undrafted)
Cinco Inicial: Stephen Curry - Klay Thompson - Harrison Barnes - David Lee - Andrew Bogut
Banco: Jarrett Jack - Brandon Rush - Richard Jefferson - Carl Landry - Festus Ezeli - Andris Biedrins
Treinador: Mark Jackson

Balanço: Podemos dizer que a verdadeira offseason dos Warriors começou antes da offseason. As principais movimentações da equipa foram feitas durante a temporada passada quando trocaram Monta Ellis (e Ekpe Udoh) por Andrew Bogut e, sem poder contar com o poste australiano e com Stephen Curry até ao fim da temporada, entraram em modo tanking total.

Conseguiram o objectivo pretendido, que era não cair abaixo da 7ª escolha no draft (se o fizessem, a escolha ia para os Jazz). E conseguiram também começar a mudar a identidade da equipa. Mark Jackson andava a pregar a importância da defesa desde o início da época, mas para isso, mais do que de palavras, precisavam de mudar jogadores.

E começaram com Bogut. Como, quando o contrataram, estava a recuperar da lesão e não ia jogar mais nessa temporada, foi na verdade um reforço para 2012-13. E um que reforçou as áreas onde eram claramente mais débeis: defesa e ressaltos. Com essa grande mudança, ficaram com um interessante (e muito mais equilibrado) núcleo de Curry-Thompson-Lee-Bogut e afirmaram uma inversão na filosofia da equipa.

Na offseason, não só se mantiveram fiéis a esse caminho, como reforçaram bastante a profundidade da equipa. Completaram o núcleo com uma acertada escolha no draft para a posição que faltava. Já tinham um base, já tinham um shooting guard, já tinham um power forward e já tinham um poste, só lhes faltava um small forward, pois Richard Jefferson não é uma solução de longo prazo (e Dorrell Wright estava a caminho de Philadelphia). E escolheram um bom. Harrison Barnes é um bom lançador e tem o atleticismo para ser um bom defensor e um bom penetrador.

Na free agency, conseguiram duas excelentes peças para o banco. Carl Landry para revesar David Lee e Jarrett Jack para revesar Stephen Curry. Landry é mais um jogador lutador que encaixa nesta nova filosofia e um bom reforço para o interior. E com o historial de lesões de Curry, ter um jogador como Jack (que tem talento para ser titular em muitas equipas) é um seguro valioso.

A renovação de Brandon Rush foi mais uma escolha acertada e uma que lhes dava mais uma boa alternativa no banco. Infelizmente lesionou-se gravemente no jogo de ontem e vai estar de fora o resto da época. No entanto, a escolha, quando a tomaram, foi acertada.

Apenas tiveram azar. Um que esperam que não aconteça mais, porque a saúde vai ser a chave da temporada para estes Warriors. As movimentações que fizeram foram acertadas e, no papel, ficaram com uma equipa melhor e muito mais equilibrada. Mas agora é preciso que se mantenham livres de (mais) lesões. O que Curry e Bogut não têm conseguido nas últimas temporadas. Mas essa é a parte que os dirigentes de Golden State não podem controlar. Na parte que podiam, estiveram bastante bem.

Nota: 13

4 comentários:

  1. gandas lakers

    GO! KOBE

    ResponderEliminar
  2. http://youtu.be/KrAnJ1dw72o . fancy

    ResponderEliminar
  3. Alguem sabe de um site um possa ver os highlights dos jogos??

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Os highlights podes ver no site da NBA:

      http://www.nba.com/gameline/20121105/

      Eliminar