26.11.11

We have a deal!


YUUUUUUUUPPPPPPPPPPPIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIII!!!!!!!!!!!
Finalmente, a imagem que todos desejávamos ver. David Stern, Billy Hunter e Derek Fisher sentados à mesma mesa, sorridentes e a trocarem apertos de mão:


Ontem foi a Black Friday nos Estados Unidos, o dia de descontos e negócios extraordinários a seguir ao dia de Acção de Graças. Portanto, que dia mais apropriado para a NBA e os jogadores fazerem o seu negócio.

Desta vez o fumo foi sinal de fogo. E a luz ao fundo do túnel que se acendeu quando se soube que as negociações tinham sido secretamente retomadas transformou-se em holofotes. Ao fim de 15 horas de reunião durante o dia de ontem, todas as partes (donos, jogadores e liga) apareceram juntas para um conferência de imprensa e anunciaram que chegaram a acordo.

Não é ainda o acordo final e formal, mas o esboço do acordo (como lhe chamaram as partes) está feito. Falta agora apenas a aprovação dos restantes donos (Stern garante que tem a maioria necessária de 16 donos e que do lado deles o acordo passará) e jogadores (que deverão também aprovar na maioria a recomendação dos seus representantes).

Portanto, agora é tratar dos pormenores e das tecnicalidades e arranca uma temporada de 66 jogos no Natal. Que prenda melhor podiamos pedir? 

Depois de meses a levarmos com fotos de Stern e Hunter, finalmente aquela que queriamos ver. 


(Actualização)

E o vídeo do bendito momento:



11 comentários:

  1. Excelente, magnifico! Só espero que seja mesmo desta vez

    ResponderEliminar
  2. Mesmo assim começa muito tarde, mas ainda bem!

    O que é que o Maurice Evans tá a fazer na foto?

    ResponderEliminar
  3. O Maurice Evans é o vice-presidente do sindicato dos jogadores. Na foto temos, respectivamente:
    Maurice Evans (vice-presidente da NBPA), Derek Fisher (presidente da NBPA), Billy Hunter (presidente executivo da NBPA), David Stern (comissário da NBA), Adam Silver (vice-presidente da NBA) e Peter Holt (presidente dos Spurs e representante dos donos).

    ResponderEliminar
  4. Eduardo Falcão Rosendo26/11/11, 14:55

    Boa noticia a alegrar este dia. =D

    Mas uma pergunta se impoe agora. O que vão os jogadores que já assinaram contrato com outras equipa da europa fazer? Quebram os contratos com as novas equipas, ou arriscam-se a perder dinheiro por ficar na Europa e quem sabe perder um pouco a visibilidade?

    ResponderEliminar
  5. pro.benfica26/11/11, 15:16

    Note-se como sorriem em sentidos opostos, ligeiramente de costas voltadas um para o outro.

    ResponderEliminar
  6. A esmagadora maioria dos jogadores que assinaram contratos com equipas na Europa (ou noutros locais) têm cláusulas que prevêm o seu regresso à NBA assim que o lockout terminasse, ou seja, só jogavam nessas equipas enquanto durasse o lockout. Por isso, Deron Williams, Tony Parker, Joaquim Noah e tantos outros são livres de regressar para as suas equipas na NBA.

    ResponderEliminar
  7. Obrigado pela informação Márcio, mas tinha informações que o Matt Bonner é que era o vice-presidente da NBPA.

    ResponderEliminar
  8. Bruno Russo26/11/11, 18:54

    Bem, só falta haver uma reprovação por parte dos donos e dos jogadores. Eu já não digo nada.

    ResponderEliminar
  9. João Tavares27/11/11, 10:08

    Deus é GRANDE!

    ResponderEliminar
  10. at last!
    guilherme

    ResponderEliminar