26.4.12

E o Defensor do Ano é...


A um dia do fim da temporada regular já temos definidas as 16 equipas que vão disputar os playoffs. Na noite de terça para quarta, no jogo entre as duas equipas que lutavam pela oitava e última vaga do Oeste, os Jazz ganharam aos Suns e asseguraram o 8º lugar. A Este já estavam os oito lugares decididos e assim, resta apenas saber as posições finais das equipas. Também aqui já está tudo bastante definido, mas nos jogos que faltam ainda podem haver umas mudanças (a Este, Celtics e Hawks lutam pelo 4º lugar e Knicks e Sixers lutam pelo 7º; a Oeste, Clippers e Grizzlies lutam pelo 4º lugar e Mavs e Nuggets lutam pelo 6º lugar).

Amanhã já sabemos o posicionamento final de cada conferência e os emparelhamentos para os playoffs. Resta, portanto, esperar pela manhã de sexta feira para poderem começar a enviar os vossos palpites para os playoffs. E a nós resta-nos dizer quem é o nosso Defensor do Ano para encerrar as escolhas para os prémios da temporada.

Este é um prémio que tem sido dominado nos últimos anos por Dwight Howard. O (por enquanto?) poste dos Magic não só levou o troféu para casa nas últimas três temporadas, como este parecia um troféu que poderia ser seu por muito tempo. Como já dissemos aqui antes, nenhum jogador consegue ter o impacto que Howard tem na metade defensiva e nenhum jogador obriga uma equipa a mudar o plano de jogo como ele. Normalmente, é na defesa que as equipas adaptam o plano de jogo consoante o adversário, montando um plano defensivo para os jogadores que vão enfrentar. Mas a presença de Howard na defesa obriga muitas vezes as equipas a mudar também os seus esquemas ofensivos. E esse é um impacto que muito poucos jogadores conseguem ter.

Por isso, este é, tanto como um troféu para algum outro jogador ganhar, um troféu para Howard perder. E foi isso mesmo que aconteceu este ano.

E perde-o não por a sua produção e números individuais terem baixado, mas porque essa produção não contribuiu tanto para a vitórias da equipa como antes e também porque perdeu muito do factor de intimidação que tinha. Apesar de toda a novela à sua volta, Howard fez mais uma boa temporada e as suas estatísticas individuais pouco se ressentiram disso. Terminou dentro da sua média de pontos dos últimos quatro anos (20.6), foi o melhor ressaltador da liga (14.5) e baixou apenas ligeiramente a média de desarmes de lançamento (de 2.4 para 2.1).

Mas esses números não significaram o mesmo para a equipa que antes. Nas Defensive Win Shares (uma estimativa do número de vitórias para que o jogador contribuiu com a sua defesa e uma categoria que Howard liderou nas quatro temporadas anteriores) baixou de 7.7 para 4.5 e nas Win Shares (uma estimativa do número de vitórias para que um jogador contribuiu) desceu vertiginosamente de 14.4 para metade, 7.7. E se contribuiu menos para as vitórias da equipa, isso significa que contribuiu menos na defesa, pois era onde ele contribuía mais.

Perdeu também algum do seu factor de intimidação. Focado e em sintonia com a equipa, Howard era uma força no meio e os adversários pensavam duas vezes antes de penetrar para o cesto. Mas este ano, os Magic não tinham essa aura de intransponibilidade e esse respeito dos adversários. Pode ter sido mais responsabilidade das distracções fora do campo que do desempenho em campo, mas o facto é que essa vantagem psicológica não esteve lá como antes.


E na defesa, esses factores intangíveis e inquantificáveis são tão importantes como as estatísticas. Para além daquilo que um defesa é capaz de fazer, conta muito também aquilo que os adversários temem que ele faça e aquilo que os adversários mudam no seu jogo com medo do que o defesa pode fazer. E esta temporada quem substituiu Howard nesse papel e quem ganhou essa dimensão no seu jogo foi Serge Ibaka. E é por isso que o power forward dos Thunder é o nosso Defensor do Ano.

Ibaka foi o melhor da liga nos desarmes de lançamento totais (3.6/jogo, uma subida de mais de um dos 2.4 na época anterior e nos mesmos 27 minutos/jogo), na percentagem de desarmes de lançamento (nos minutos que esteve em campo, bloqueou 9.8% dos lançamentos adversários) e ganhou o factor de intimidação que falávamos. Com Ibaka em campo, os adversários tinham de estar sempre preocupados com ele quando entravam para o cesto e, para além dos lançamentos que desarmou, teve muitos outros em que obrigou os oponentes a lançar mal ou a mudar a trajectória do lançamento para evitar o desarme. A defesa tem tanto de vantagem física e táctica sobre o adversário como de vantagem psicológica e Ibaka este ano teve as duas.

19 comentários:

  1. Eu cá acho que devia ir para o carmelo anthony pois evoluiu muito defensivamente.

    Ou então para o rajom rondo ou para o shanom brown

    ResponderEliminar
  2. lol? a serio? carmelo? rondo? brown? ok... para mim é mais que merecido o Ibaka ganhar este prémio...OKC tem sido uma das equipas do ano, e a grande diferença este ano tem sido o elevar do desempenho defensivo do Ibaka, e as estatísticas não deixam mentir... grande evolução em termos de desarmes de lançamento...mais de 1,2 por jogo....brutal

    ResponderEliminar
  3. Defensor do ano Ibaka? Defesa é mais que estatística. Ok, o número de desarmes de lançamento é incrível mas...

    E o Chandler? Transformou os Knicks numa equipa defensiva de top 5 (salvo erro) da NBA... com defensores como o Carmelo e o Stoudemire, que são horríveis! E incluíndo estatísticas de equipa com o Di Antoni, que é só o pior treinador defensivo de sempre.

    E o LeBron? Pois este site é hater do LeBron também não podemos esperar muito. É o único que defende do 1 ao 5, é só ir verificar os jogos. Capaz de anular um base veloz como o Derrick Rose, ou um poste como o Pau Gasol (das defesas interiores mais impressionantes do ano, no jogo fora contra os Lakers que por acaso os Heat até acabariam por perder).

    Até o Dwight Howard é mais merecedor, apesar de tudo, que o Ibaka.

    Mas isto de ir ao nba.com e só ver a estatística é mais fácil do que ver os jogos! Uma boa noite para todos

    ResponderEliminar
  4. Sinceramente não concordo com a opinião mas...aceito :S

    Não é por um jogador ter evoluído o seu jogo que deve merecer o prémio, o prémio é entregue ao melhor defensor do ano, a mim não me interessa que ele tenha ganho 1,2 ou 20 anos seguidos e que esta temporada tenha piorado os números o que está em jogo é efectivamente quem é o melhor defensor e vamos ser justos o Ibaka à beira do D.Howard não é "ninguem" (sem desrespeitar o rapaz)...

    "Com Ibaka em campo, os adversários tinham de estar sempre preocupados com ele quando entravam para o cesto e, para além dos lançamentos que desarmou, teve muitos outros em que obrigou os oponentes a lançar mal ou a mudar a trajectória do lançamento para evitar o desarme."

    e com o D.Howard? não acontece isto? lol com o D.Howard é diferente as equipas adversárias centram as suas estratégias quase exclusivamente nele

    TOP Defensive Win Shares

    1º K.Garnett 2º Boozer 3º D.Howard 4º Noah 5º J.Smith 6º E.Brand 7º L.James 8º A. Iguodala 9º S.Ibaka

    TOP Defensive Win Shares

    1º J. Smith 2º L. James 3º D. Howard 4º K. Garnett 5º A. Iguodala 6º C. Boozer 7º J. Noah 8º M. Gasol 9º K. Durant 10º E. Brand

    TOP Rebounds -> D.Howard 1º e o Ibaka nem entra nas contas pois tem muito pouco
    TOP Steals -> Ibaka em 1º e D.Howard em 3º

    Ibaka é conhecido pelos seus desarmes de lançamento da mesma maneira que o B.Griffin é conhecido pelos seus afundanços o que não significa que os torne nos melhores jogadores...são apenas jogadores aparecem nos Highlights de cada jogo


    ja agora lanço a minha All-Defense:

    LBJ
    Deng
    Garnett
    Chandler
    Howard

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bom post.

      Eliminar
    2. enganei-me :S

      no meu comentário é TOP Defensive Rating e depois e que é TOP Defensive Win Shares

      Eliminar
  5. Quando existe um jogador que defende a posição de 1 a 5 eficazmente durante o jogo, acho que não há dúvidas.. Aliás, todos criticamos o LeBron por se esconder nos momentos "clutch", no entanto, consideramos apenas o aspecto ofensivo, porque desde o ano passado que o LeBron guarda o melhor jogador da equipa adversária, jogadores como Rose, Durant, Nowitzki, e Carmelo nos momentos finais de cada jogo..
    Ainda assim acho que existe muito ódio em torno do LeBron nos media americanos, por isso se vencer o MVP já será bastante positivo.

    ResponderEliminar
  6. André Gomes26/04/12, 12:59

    Estes gajos são doidos!!! Isto é um jogo de números, ele dominou as estatísticas, quer se goste ou não...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ele dominou as estatísticas...ele quem?

      Eliminar
  7. O Magic também jogava do 1 ao 5 e melhor que o James e também nunca ganhou o prémio de melhor defensor. Por isso, esses são argumentos inválidos.

    ResponderEliminar
  8. McVince, mas foi isso mesmo que eu disse no texto, que a defesa é mais que estatística. E foi por isso que escolhi Ibaka, não só porque os seus números (principalmente os desarmes de lançamento) foram excelentes, mas porque ele ganha nos factores intangíveis e psicológicos. Ibaka ganhou este ano o factor de intimidação que Howard tem. Ao contrário dos outros prémios, onde a produção efectiva conta mais que tudo, na defesa, a reputação é tão importante como a produção. Porque leva os adversários a mudar o seu jogo. Na defesa intimidar conta. E Ibaka conseguiu isso este ano.

    Quanto a Chandler, Lebron, Howard ou Garnett, são todos excelentes defensores e candidatos a este prémio, mas só um pode ganhar. Concordo com muitas das vossas afirmações sobre as respectivas capacidades defensivas de cada um, mas, pelas razões que disse, a minha escolha vai para o power forward dos Thunder.

    Mas é uma escolha com uma dose de subjectividade, como são sempre todas as escolhas para os prémios da temporada.

    ResponderEliminar
  9. Duarte Noronha26/04/12, 16:42

    Na minha opinião é o Tyson Chandler, pelo impacto que teve este ano numa equipa que era conhecida por tudo menos a sua defesa!
    Qual o real impacto? Os Knicks este ano têm a 5a melhor defesa da época regular!
    Nestes ultimos 3 jogos que o Cha...ndler não jogou os Knicks sofreram uma média de 116.3 pontos por jogo, com ele em campo uns esclarecedores 93.6!
    Para além de que estamos a falar de uma equipa que conta com Stoudemire, um dos piores defemsores da liga, e que, ocupa o 7o lugar na conf. este.
    Já os Thunder são 2os classificados na conf. oeste e contam ainda com Durant e Perkins, este último reconhecidamente e foi contratado justamente pelo seu excelente desempenho defensivo.
    Para além disto, os Thunder estão longe de serem conhecidos como uma grande equipa a defender, contam isso sim com uma componente fisica e atlética fora do vulgar!

    Quanto ao factor intimidação, penso que o Chandler, ainda para mais vindo de uma época em que foi dos principais responsáveis pelo título dos Mavs, também carregar consigo uma enorme aura de intimidação, quer seja pelo título conquistado quer seja pela sua enorme imponência física.

    ResponderEliminar
  10. Finalmente concordo com uma decisao tua marcio.
    Sem duvida que o ibaka é o melhor defensor da nba esta epoca. Ninguem se empenha tanto como ele na defesa, ninguem despreza o ataque em prol da defesa como ele e ninguem tem tanto impacto no record final da sua equipa apenas a fazer o seu trabalho na defesa.
    Apesar de ser um grande grande fa do dwight, acho que nao merece o premio este ano da mesma forma como mereceu o ano passado, por isso acho que é bem feito dar uma oportunidade a uma estrela em ascensao como o ibaka.
    Aconteça o que acontecer, para o ano nao vai haver tanta novela a roda deste premio. o Anthony Davis vem aí e, na minha opiniao, ninguem sera capaz de competir com o miudo no que toca a tarefas defensivas

    ResponderEliminar
  11. Stoudemire26/04/12, 18:52

    Para mim Tyson Chandler. Esse sim, teve um impacto gigante na sua equipa. Basta comparar o ano passado e esta época nos pontos sofridos pelos NYK. Além disso é um bom rebounder, enquanto o Ibaka tem números de Small Forward.
    Quanto aos blocos, considero-os tanto como os afundanços do Griffin. Muito bom de se ver, mas prefiro um bom roubo de bola do que uma chapada na bola para fora. Com isto não quero dizer que não sejam importantes...

    ResponderEliminar
  12. MSApr 26, 2012 05:40 AM
    "O Magic também jogava do 1 ao 5 e melhor que o James e também nunca ganhou o prémio de melhor defensor. Por isso, esses são argumentos inválidos."

    No tempo do Magic quem ganhou os DPOY foram jogadores como Mark Eaton (chegou a ter médias de 11 reb. e 5 BLOCKS(!) por jogo), Michael Jordan, Dikembe Mutombo, Hakeem Olajuwon, Dennis Rodman, e David Robinson, achas que os conheçes?

    Por isso, antes de invalidares a opinião, pensa por favor. Em condições normais, o Dwight Howard é o melhor defensor da liga mas teve uma época decepcionante de acordo com os seus padrões, ainda que tenha feito os seus números, não foi tão intimidante como nos habituou, talvez pelo circo que criou.
    Pensa comigo, numa liga onde jogadores como Michael Jordan, Dikembe Mutombo, Hakeem Olajuwon, Dennis Rodman, e David Robinson não existem, não deverá um jogador que defende as 5 posições ter hipóteses de vencer o prémio? Aliás, dizeres que algo é inválido lá porque te apetece, mais vale comentares isoladamente. Chama o comentário de incompleto, sim porque o defender as posições de 1 a 5 não são argumento suficiente mas foram o único que postei. Incompleto, está bem. Inválido?
    Aproveito e falo do Ibaka, é um grande defensor mas uma categoria excepcional não me convence.
    Ponho KG, Chandler, Deng, Howard, LeBron a frente dele..

    ResponderEliminar
  13. Serge Ibaka é o vencedor óbvio. Para além do fator intimidação e capacidade de condicionar a trajetória dos lançamentos dos adversários, tem a melhor média de desarmes de lançamento desde a época de 2000-2001!

    ResponderEliminar
  14. Não concordo com a escolha, mas como foi dito os critérios são tão subjectivos e tão pessoais que a decisão se aceita. Mas quem vai ganhar o prémio é o Chandler, pelo o ano passado e por este. O Howard pelo circo todo que se montou ah volta dele, este ano não ganha

    Cumps

    ResponderEliminar
  15. LeBron James Destruiu o Knicks na 1ª parte LBJ FOR PRESIDENT!
    em actualização
    Comps
    EM

    ResponderEliminar