11.3.11

Horas extraordinárias para Kobe


Também se fazem noitadas na NBA. E não estou a falar dos nossos serões acordados até altas horas da madrugada a assistir a jogos na SportTV ou na NBA TV. Estou a falar do jogo que foi o tema inevitável de todas as conversas hoje, o embate entre os Heat e os Lakers. Ou melhor, estou a falar do que aconteceu a seguir. Já se analisaram todos os jogadores, dissecaram-se todas as jogadas, escreveram-se todas as opiniões e mostraram-se todas as imagens. Para mim a mais importante é esta, tirada depois do jogo, quando todos (ou quase todos) já tinham abandonado o pavilhão:


Kobe Bryant, talvez insatisfeito com os seus 8-21 em lançamentos, talvez querendo passar uma mensagem para o mundo ou talvez precisando apenas de arejar depois da derrota, voltou ao campo e ficou a treinar lançamentos até depois da meia-noite.

Quando lhe perguntaram porque o fez, disse que "é a minha obrigação. Tens de trabalhar. Isto é o que é suposto fazeres. Quer dizer, se não estás confortável com alguma coisa e achas que podes melhorar qualquer coisa, tens que trabalhar nisso." E parece que Bryant nem quis esperar pelo treino da manhã seguinte e começou logo ali a fazê-lo.

Duas conclusões imediatas podem ser tiradas. E nenhuma é boa para os adversários. A primeira é que Kobe está a entrar em modo Black Mamba e a preparar-se (não só tecnicamente, mas também e mais importante, mentalmente) para os playoffs. A segunda é que ele está bem fisicamente. Porque o ano passado, quando andava a tentar debelar as lesões que o limitaram toda a temporada, não o veríamos a fazer isto. O objectivo depois dos jogos era repousar o máximo e recuperar o corpo. Por isso, isto significa que está bem.

Porque o fez? Dedicação? Obsessão? Ego? Tentativa de desviar as atenções da vitória dos Heat para a sua ética de trabalho? Podem encontrar as razões que quiserem, mas uma coisa é certa: lembram-se daquelas dúvidas que têm surgido ao longo de toda a temporada sobre a motivação e a concentração dos bi-campeões? Pois, os playoffs e os jogos a sério aproximam-se. E Kobe e os Lakers vão estar prontos.

2 comentários:

  1. Grande dedicação, e a passar uma boa imagem já que é um role-model para tantos miúdos.

    ResponderEliminar
  2. Um verdadeiro exemplo de dedicação

    ResponderEliminar