17.4.13

Algumas notas (quase) finais


Eis-nos chegados ao fim de mais uma temporada regular. Seis meses depois da bola ao ar nesta época de 2012-13, chegamos hoje ao fim da primeira fase da mesma. E embora o que todos queremos agora é que os playoffs comecem, não faltam razões para não perder esta última jornada. Hoje jogam todas as equipas e temos 15 jogos, mas todos os olhos vão estar em Los Angeles, Memphis e Portland. 

Em Los Angeles e Memphis decide-se a última vaga no Oeste e vamos finalmente saber se esse lugar fica para Lakers ou Jazz. Os Jazz precisam de ganhar em Memphis (com os Grizzlies ainda a lutar pela vantagem casa na primeira ronda com os Clippers) e esperar que os Lakers percam. A equipa de Los Angeles, por sua vez, "só" precisa de ganhar o seu jogo em casa com os Rockets. O que não será fácil contra uma equipa que se perder cai para o 8ª lugar (quem diria, depois de tudo o que aconteceu nesta temporada, os Lakers ainda podem acabar em 7º! Em Los Angeles basicamente luta-se pelo 7º lugar). Por isso, temos final dramático e luta pelos playoffs mesmo, mesmo até ao fim.

E em Portland, Stephen Curry pode obrigar-nos a actualizar a lista de recordes da temporada. Se marcar dois triplos no jogo de hoje, ultrapassa o recorde de Ray Allen de mais triplos marcados numa época (269, em 2005-06). Dois lançamentos convertidos dos 7,25 não é a tarefa mais difícil para Curry, por isso podemos (devemos?) ter um novo recordista (e mais um recorde de triplos esta temporada!).

Mas enquanto esperamos por estes dois desfechos, três destaques neste final de temporada:

- Carmelo Anthony prepara-se para ganhar pela primeira vez na sua carreira o título de Melhor Marcador (Durant disse que não vai jogar hoje, por isso o título está entregue). Depois de passar toda a temporada atrás de Kevin Durant, Carmelo pegou fogo no último mês, entrou numa série de jogos a marcar sempre acima dos 30 pontos (e acima dos 40 em 4 deles) e leva o título para casa.


- Mas se Durantula não renova o título de Melhor marcador, acaba a temporada com uma distinção não menos extraordinária: é apenas o 9º jogador na história com 50-40-90, i.e., mais de 50% nos lançamentos de 2, mais de 40% nos de três e mais de 90% nos lances livres. E lançar tantas vezes como Durant lança e manter estas percentagens é algo muito, muito difícil de conseguir. Não é por acaso que é apenas o terceiro a conseguir estas percentagens a marcar mais de 20 pontos por jogo (os outros são Larry Bird e Dirk Nowitzki).


- E uma última nota de destaque para o regresso T-Mac à NBA, em mais um exemplo de gestão exemplar dos Spurs. Stephen Jackson andava descontente com o seu papel na equipa e com os poucos minutos de utilização e antes que a situação escalasse e pudesse desestabilizar a equipa e perturbar o balneário (Captain Jack nunca foi de comer e calar), decidiram cortar o mal pela raíz e dispensar Jackson. Foi um mal necessário para evitar males maiores no futuro.
E corta para irem buscar McGrady para substituir Jackson. Independentemente do papel que T-Mac terá na equipa (que será reduzido, uns minutos como suplente de Kawhi Leonard), é bom vê-lo de volta à liga. E T-Mac pode finalmente perder a distinção de único-Melhor-Marcador-que-nunca-ganhou-uma-ronda-dos-playoffs.


15 comentários:

  1. Papa Valdemares17/04/13, 22:33

    Qual será o jogo da SportoTV?

    O de ontem foi para esquecer.

    Quanto ao mais, pessoalmente, foi uma época de grande desilusão, mas não esperada.

    Nunca compreendi a ação de Cuban, mas prognostiquei de início que esta - e as próximas - seria uma época muito difícil para os Mavs. E a coisa concretizou-se. Dirk Nowitzki, o homem que me fez voltar a ter paixão pelo básquete depois de Jordan (infelizmente, o outro, PG dos Bulls, lesionou-se gravemente e eu desconfio das condições do seu regresso), merece um final de carreira muito melhor e mais digno, depois de ter carregado uma equipa rumo ao título, de nunca ter desistido e ter lutado pelos «seus» até alcançar a meta.

    Neste final de época, uma grande vénia para ele.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A Sport TV dá o Lakers x Rockets, às 3:30!

      Eliminar
  2. hoje só existem 2 horários de jogos, porquê que os jazz e os lakers não jogam ao mesmo tempo????

    é que se os jazz vencerem, os lakers tem aquela pressão pa vencer, mas se perdem, tudo bem que lutam pelo 7º lugar mas não é com aquela pressão de ganhar... ainda bem que os rockets e os grizzlies tem alguma coisa pa lutar, senão podia haver algum frete.



    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tambem acho, os jogos deviam ser a mesma hora, mas pronto, this is the NBA, where the amazing appens

      Eliminar
    2. Black Mamba18/04/13, 00:56

      Também não percebo isso, no futebol uma coisa assim seria impensável.

      Eliminar
    3. Seis Anéis18/04/13, 01:02

      I agree.

      Eliminar
    4. isto n é futebol. já vários anos aconteceu o mesmo.. Quem comanda mtas vezes isso são os canais com os direitos televisivos dos jogos. Tb acho q deviam jogar ao msm tmp, assim tinham obrigação absoluta de ganhar... É q ao meu ver conseguir ir aos playoffs e apanhar agora OKC seria uma desgraça. Acho q os Spurs são 1 grande equipa com 1 grande treinador mas OKC tem mais juventude, c vários pts de fastbreaks algo q os Lakers n conseguem controlar.. Dps quem sabe se os Lakers passassem (algo q para mim é quase impossível) e c uns níveis de confiança mais alto conseguissem melhorar ainda mais...

      LET'S GO LAKERS. #4thewin

      P.s. - estou ansioso para ver o T-Mac de volta a liga..

      Eliminar
    5. 1º Os horários já estavam pre-determinados antes de se saber que iria haver esta disputa pelos playoffs entre Lakers e Jazz.

      E 2º Isto não terá também a ver com os fusos horários? É que se repararem, todos (ou praticamente todos) os jogos em casa dos Lakers e Warriors, por exemplo, são "mais tarde" já que são na Califórnia e portanto na costa mais a oeste dos EUA. Memphis já fica mais para a costa este (apesar de estar também na conferência oeste) e tem uma diferência horária de 2 horas.

      Eliminar
    6. Black Mamba18/04/13, 22:41

      Eu sou fã dos Lakers, mas começar a ver jogos às 3h30 é chato.

      Eliminar
  3. Márcio, vais abrir algum tópico com as tuas escolhas para MVP, melhor treinador, rookie do ano,etc..? Gostava de saber.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Com certeza, Kiko! Como sempre, irei partilhar as minhas escolhas para os vencedores dos prémios da temporada.

      Eliminar
  4. Lakers nos playoffs!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Papa Valdemares18/04/13, 14:11

      É verdade, mas prevejo que seja uma coisa do tipo "Hello... Goodbye!"

      Eliminar
    2. Ainda há uns dias derrotaram os Spurs...estou confiante que os Lakers não vão cair sem dar boa réplica, mas precisam de um playmaker e shotmaker urgentemente...do Nash, portanto.

      Eliminar
    3. Black Mamba18/04/13, 22:44

      O jogo foi feio que dói, os Lakers defendem melhor em geral sem o Kobe mas o ataque fica tão anémico que nem é bom. Pareciam uma equipa da D-League durante grande parte do jogo, principalmente quando tiveram o Morris e Gaudelock no cinco :S Valeu a defesa e o coração de campeão, mas convém melhorar os sets ofensivos ou mudar a rotação se não vai ser complicadito nos playoffs.

      Eliminar