18.6.12

Dores de crescimento


Dependendo dos gostos, ontem foi o melhor ou o pior jogo destas Finais. Se aquilo que procuram é emoção e incerteza no marcador até aos últimos segundos então ontem tiveram uma noite em cheio. Mas se o que procuram são decisões tácticas inteligentes e basquetebol esclarecido então ontem não ficaram de barriga cheia.

É claro que podem também gostar de ambas as coisas e aí ficaram divididos. É o meu caso. Não foi um jogo bem jogado, não tivemos boas percentagens de lançamento e tivemos muitos erros das duas equipas, mas tivemos um jogo emocionante, equilibrado e que nos manteve colados ao ecrã até ao fim. Houve muito coração e pouca razão.


OKC entrou melhor neste jogo que no anterior, mas voltou a não fazer um grande começo. Ainda não foi desta que entraram bem, mas, pelo menos, não cavaram um buraco. E, como do outro lado Miami também não estava a jogar grande coisa, no fim do primeiro período a vantagem dos Heat era de apenas seis pontos. Tudo em aberto.

No segundo, a história repetiu-se. Muitas precipitações no ataque, insistência demais no 1x1, más percentagens de lançamento e um equilibradíssimo 47-46 ao intervalo. Os Heat terminaram a primeira parte com uns inacreditáveis 13.6% (!) em lançamentos fora do garrafão, mas (para verem o nível do jogo) mesmo assim estavam na frente. O que os safava até ali eram as duas coisas que fizeram bem (muito bem mesmo) nesta primeira metade: as penetrações e os ressaltos ofensivos. Wade e LeBron (como têm feito, e bem, em toda a série) atacaram o cesto e conseguiram muitos pontos de curta distância ou de lance livre e os Heat ganharam a luta num dos pontos mais fortes dos Thunder, as tabelas (25-16, com 10 RO para a equipa de Miami). Mas tudo completamente em aberto.

Na segunda parte, tudo parecia bem encaminhado para os Thunder. Começaram melhor o jogo, mantiveram-se por perto durante toda a primeira parte e depois quando, como habitualmente, aceleraram no terceiro período, ganharam 10 pontos de vantagem e pareciam encaminhados para uma vitória. Até que, a 5 minutos do fim do 3º, Kevin Durant faz a sua quarta falta.

Foi o princípio do fim para os Thunder. Durant foi para o banco e Scott Brooks inexplicavelmente tirou também Russell Westbrook (ainda estamos a tentar perceber porque o fez, pois, com Durant de fora, Westbrook é a primeira opção ofensiva da equipa; para além disso, Harden, que faz o papel de Westbrook quando este sai, também não estava particularmente inspirado). Os Thunder estavam num bom ritmo e num bom parcial, precisavam de continuar a marcar pontos e era fundamental aguentar aquela vantagem até ao fim do período. Durant voltaria ao jogo no início do 4º e 10 pontos de vantagem nessa altura podiam ser irrecuperáveis.

Mas o treinador dos Thunder jogou os cinco minutos finais do período com Harden e Fisher e Westbrook assistiu do banco aos Heat não só a recuperarem os 10 pontos, como a passarem para a frente e acabarem o 3º à frente por dois. Mas tudo ainda em aberto.

Como previsto, Durant voltou no 4º período. Ou nem por isso. Porque do habitualmente-letal-no-fim-dos-jogos Durant nem sinal. Marcou apenas 4 pontos nos 12 minutos finais e, apesar dos melhores esforços dos Heat para perder o jogo (tinham apenas 6 TO em todo o jogo e depois fizeram 7 nas primeiras 12 posses de bola do 4º; e a 1:50 do fim, Wade ainda fez mais aquele que quase custava muito caro), a equipa da casa festejou a vitória e a passagem para a frente da série. 

Na verdade, para ser justo, ambas as equipas se esforçaram para perder este jogo. Miami acumulou turnovers neste período, mas OKC também teve a sua quota de erros dolorosos (a 24'' do fim e a perder por 3, Harden faz falta sobre LeBron, com uma diferença de 12'' entre o tempo de jogo e o cronómetro dos 24''? Tinham de defender aquela posse de bola, não oferecer dois pontos a LeBron; e, para um fim apropriado, Sefolosha e Westbrook desentenderam-se na última reposição de bola e entregaram a bola aos Heat). 

E Scott Brooks teve outra opção muito discutível. Só meteu Sefolosha (que tem feito um grande trabalho na defesa e provou a sua utilidade naquele roubo de bola a Wade, por exemplo) a 5:00 do fim. Manteve um desinspirado e pouco eficaz Harden em campo, quando os Thunder têm sido melhores com Sefolosha. Harden pode ser melhor no ataque, mas ontem não estava em dia sim. E para mais, já sabemos que não é com isso que se ganham campeonatos. O que Harden dá à equipa, pontos, podem dar Durant e Westbrook. O que Sefolosha dá à equipa, um jogador para defender LeBron e/ou Wade, mais nenhum jogador de OKC pode dar.

Foi um jogo emocionante, mas não foi bonito. Nenhuma das equipas jogou bem, mas, no fim, ganhou a equipa que jogou menos mal. E 2-1 para Miami. Tudo ainda em aberto? Sim, mas Scott Brooks e os seus  jogadores vão ter de aprender rapidamente com os erros ou estas Finais podem ser mais curtas do que esperado.

31 comentários:

  1. pro.benfica18/06/12, 23:29

    100% de acordo... contigo... e com a imprensa americana, que, como disse ontem, de madrugada, se fartou de bater em Scott Brooks.

    Eu iria mais longe: quando viu que a vantagem se estava a desvanecer, Scott Brooks poderia fazer regressar KD e RW. OK, seria um risco tremendo, mas era possível que KD se resguardasse na defesa, mesmo concedendo alguma facilidade aqui e ali, e tê-lo a contribuir no ataque.

    Assim, não correu o risco e perdeu. Claro que, se tivesse jogado ao seu nível no último período e... lá está, é o jogo do «se».

    Há ainda um ponto que gostaria de focar e que, ontem, já tive oportunidade de apontar: a concentração de determinação de LBJ. Para já, nestes três jogos, ainda não vi aquelas garotices do ano passado, de que o «troçar» da febre de Dirk foi o ponto alto. Este ano, há concentração, há uma espécie de missão que se vê nos olhos de James, sobretudo, mas também do triplista de mão cheia e do PF suplente.

    Tendo tudo isto em mente e correndo o risco de me chamarem novamente de Maya, isto está muito bem encaminhado para Miami, até porque, aos erros cometidos nos dois primeiros jogos, ontem foi a vez do treinador entrar em modo apatia e burrada.

    ResponderEliminar
  2. Scott Brooks tinha que tirar o KD senão o KD corria o risco de entrar para o 4º periodo com 5 faltas ou ainda pior...o Westbrook foi para o banco não por o KD ter ido mas sim por o treinador estar descontente com o seu desempenho (naquela altura do jogo) lembro que o RW antes de ter saído teve esta sequência de lances:

    - Westbrook Turnover : Bad Pass (1 TO) 06:23
    - Westbrook 3pt Shot: Missed 05:54
    - Westbrook Driving Layup Shot: Missed 05:18
    - Westbrook Foul: Offensive Charge (1 PF) (2 TO) 05:01

    depois o fisher entrou a matar com um triplo e um lance livre e secalhar o Scott Brooks pensou que o jogo renhido até ao 4º periodo e com RW e KD frescos eles ganhavam mais facilmente o jogo...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. pro.benfica19/06/12, 00:48

      Não digo o contrário, mas, em situações de emergência, deveria ter arriscado. Claro que, findo o jogo, é fácil falar e, como tu escreves, se o resultado fosse outro, estaríamos aqui a bater palmas ao Scott.

      Porém, nesse final de 3.º período (que não vi até ao fim), houve um momento em que ele deveria ter agido e não o fez.

      Eliminar
    2. Stoudemire19/06/12, 09:59

      Quando joga o Westbrook dizem que ele só faz borrada, quando o tira depois de fazer burrada, o burro é o treinador, decidam-se!
      O que é facto é que o 3º período acabou equilibrado, logo Durant e Westbrook tiveram o 4º período para resolver, mas não conseguiram (já agora estavam a jogar contra os Miami, que não são nenhuma equipazita).
      Siga em frente, preocupam-se muito com críticas em vez de apreciarem os jogos. Se elogiassem tanto como criticassem...

      Eliminar
    3. Stoudemire19/06/12, 10:00

      * criticam

      Eliminar
    4. Tenho lido assiduamente os comentários e este Stoudemire contribui com muito pouco, se limitando a umas picardias, respondendo a comentários, tecendo considerandos sobre o que os outros colegas comentadores dizem...

      Pôxa, você deve ser mesmo bera, cara! Escreva qualquer coisa de jeito que seja da sua lavra e permite que os outros caras se exprimem sem ter sempre a sua presença incómoda e desagradável atrás.

      Eliminar
    5. Stoudemire19/06/12, 14:50

      Realmente isso vindo do Ivan, que nunca comentou...

      Eliminar
    6. Rui Armada19/06/12, 15:54

      Toda a razão ivan...se alguém diz algo de mal, mesmo que com razão, sobre lebron ou miami, vem logo o stoudemire acudir..

      ps:já agora podias mudar o nick pa lebron ou wade ;)

      Eliminar
  3. a 2 minuto do final do 3 periodo, OKC vencia 66 62 (já depois da borrada que fizeram nas faltas de 3) e a equipa de OKC era fisher, harden, sefolosha, collison e cook!!! miami era LBJ, wade, bosh, battier e jones...

    mais desequilibrado que isto o treinador de OKC nao podia fazer (podia ter tirado o sefolosha)

    só nesses 2 minutos levaram parcial de 7-1...

    mas acredito que se OKC tivesse ganho o jogo com um bom 4º periodo, ia toda a gente dizer que o brooks é muito inteligente em poupar os jogadores...

    P.S. a equipa com melhor percentagem de lances livres está nestas finais irreconhecivel...

    ResponderEliminar
  4. Paulo Dias19/06/12, 00:51

    Parece-me que estas finais estão a defraudar em termos de espetacularidade. Emoção, é certo, mas falta aqui chama. Talvez por todos esperarmos um confronto de outra galáxia, mas, pessoalmente, estou um pouco desiludido.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A partir do próximo jogo acho que as coisas vão aquecer, começam os Thunder a ficar entre a espada e a parede e a terem de dar tudo para ganhar. Vamos a ver

      Eliminar
    2. Stoudemire19/06/12, 09:55

      Para mim tem correspondido.

      Eliminar
  5. Stoudemire19/06/12, 09:47

    "'LeBron is not a good defender,' Ibaka told reporters. 'He can play defense for two or three minutes, but not 48 minutes.'"

    LOLOLOLOLOLOLOLOL

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Essa do Ibaka, tá engraçada...

      Eliminar
    2. e ás 9h59m postaste o seguinte:

      "Siga em frente, preocupam-se muito com críticas em vez de apreciarem os jogos."

      Eliminar
    3. e depois colaste uma crítica, está-me a escapar a coerência.

      Eliminar
    4. depois não, antes.

      Eliminar
    5. Stoudemire19/06/12, 16:01

      Crítica aos jogadores? Postei uma anedota para desanuviar!

      Eliminar
    6. É uma mentira mas não deixa de ser uma crítica do Ibaka ao Lebron...que por sinal eu aprecio, é altura desta final aquecer mais um bocadinho.

      Eliminar
    7. Stoudemire19/06/12, 16:32

      Acredita que também apreciei, espero que alguém tenha colado isto no balneário dos Heat e acho que é meio caminho andado para o 3-1.
      Pode ser que o Perkins diga hoje que o Wade já não é uma superstar, para a vitória ser quase certa XD

      Eliminar
  6. Assino por baixo.

    Adoro Harden, potencial para ser All-Star muitos anos mas não estando bem ofensivamente ... tem que ser Sefolosha a jogar, não sei c/o é que ele ainda não percebeu (S.Brooks) isso. A equipa c/ Sefolosha nestas finais joga melhor que com Harden, está visto. A única coisa que pode fazer jogar mais Harden é se ele vir que é um jogo em que está c/ a mão quente.


    Tu não referiste neste artigo uma coisa que tem sido decisiva: Os Miami, habitualmente maus da linha, estão a lançar muito bem. E os thunder, os MELHORES(!) da linha estão a falhar quantidades industriais, inclusive de Harden, Westbrook e agora até Durant. Pode parecer pouco mas se na linha Miami tivesse continuado tão mau c/o estava até as finais e os Thunder lançassem ao seu nível, pelo menos um dos jogos ganhos por Miami estaria nos Thunder... Assim se perdem jogos, assim se perdem finais.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Diogo isso é analisando apenas os lançamentos da linha de lance livre...o mesmo raciocino pode ser feito em relação aos lançamentos efectuados fora do garrafão por parte de Miami, se não tivessem a fazer percentagens inadmissíveis para uma equipa de topo da nba se calhar não teriam que sofrer até aos últimos minutos....por exemplo ontem OKC falhou 9 pontos da linha de lance livre mas quantos é que Miami falhou em lançamentos faceis que deviam ter percentagens de sucesso muito mais elevadas que as que teve?

      Eliminar
    2. Stoudemire19/06/12, 16:57

      Exacto, Miami parecia uma equipa de amadores que só conseguem marcar debaixo do cesto.

      Eliminar
    3. Eu faço o meu comentário c/o fã de OKC que sou. E olhando para a minha equipa, preocupo-me com o que se tem que melhorar nela pois é ela que eu quero que ganhe. Óbvio que um jogo é a soma das suas partes: Lançamentos diversos, ressaltos, TO,...somatório de defesa e ataque em todos os seus aspectos.

      É óbvio também que Miami tem coisas que pode melhorar e OKC tem além dos LL muitas coisas a melhorar.
      Falei deste caso porque:
      1º São lançamentos que são independentes do adversário que se defronta.
      2º - É um sítio onde eles este ano lançaram c/o equipa sempre acima de 80%(80,6) e entre o Big3 andaram sempre nos 85% e agora estão com 70%, onde nem sequer é Perkings ou Sefolosha que costuma tremer a estragar a média.

      Eliminar
    4. claro que sim é algo anormal a percentagem que OKC teve na linha de lance livre... no outro lado não é nada normal miami acabar um jogo com:
      0/7 lançamentos curtos
      0/4 de meia distância
      1/15 bolas longas de 2 pontos
      4/13 bolas de 3
      acho que a chave na parte final da partida foi a maior agressividade de Bosh nos min finais e a boa defesa de Lebron a durant

      Eliminar
  7. pro.benfica20/06/12, 00:08

    Claramente, parece-me que não temos tido os Thunder pré-final. O ataque não é fluente, há muito indecisão em vários momentos, decisões precipitadas e erradas e, para ajudar à festa, até Harden e o técnico principal têm ajudado à festa.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. claro que sim até porque a defesa de miami não é muito melhor do que qualquer outra defesa que existe no lado Oeste :S aliás todas as equipas contra miami tem dificuldade de fazer mais de 100 pontos mas a unica razão é que calham de jogar mal precisamente nesses jogos...

      Eliminar
    2. exactamente NunoS, quando eu tentei explicar isso, que miami é das melhores equipas a defender, enquanto que OKC era das piores a defender das que foram ao playoff, disseram logo que eu nao percebia nada...

      a unica coisa que estão a falhar são os lances livres, e aí sim miami nao tem influencia directamente...

      Eliminar
    3. Stoudemire20/06/12, 00:52

      Pensavam que ia ser a festa de 100 e tal pontos para cada lado no Oeste, mas neste lado defende-se e bem ( o que até gosto mais.
      Agora só têm é de adaptar-se, e potencial para isso não lhes falta.

      Eliminar
  8. Stoudemire20/06/12, 00:25

    "para ajudar à festa, até Harden e o técnico principal têm ajudado à festa."
    ... são 2 festas?

    ResponderEliminar