13.6.13

Coach Kidd


Não durou muito a reforma de Jason Kidd. Menos de duas semanas depois de anunciar a retirada, Kidd atravessa a Ponte de Brooklyn, faz o salto directo de jogador para treinador principal e foi anunciado como o novo treinador dos Brooklyn Nets.

Ainda nem tivemos tempo para recordar a sua carreira e fazer um artigo sobre os seus tempos de jogador e já Kidd está de volta à liga. Na verdade, nem a deixou. Este era, obviamente, o seu desejo e o seu plano quando decidiu retirar-se como jogador. Ele não queria tempo livre para empurrar carrinhos de bebé, ...


... ele queria continuar a fazer o que gosta e sabe, mas como as pernas já não davam mais e já não podia fazê-lo dentro de campo, decidiu continuar a fazê-lo com a cabeça e a partir da linha lateral. Como o próprio disse quando foi anunciado como novo timoneiro dos Nets, "é um papel para o qual tenho estudado durante os tempos como jogador.

Bem, esses tempos de estudante não foram maus:


Em particular, os tempos que passou na equipa que agora vai treinar. Nos Nets viveu os melhores anos da sua carreira, teve um quase-triplo-duplo de média nas sete temporadas que passou nos (então) New Jersey Nets (7 temporadas com um quase-triplo-duplo de média!)  e liderou-os até duas Finais da NBA:



Vamos ver se, agora com outras funções, consegue repetir o sucesso anterior. Vamos como correm agora os tempos de fato e gravata. Bem vindo, coach Kidd!

3 comentários:

  1. Stoudemire13/06/13, 14:46

    Não sei se dará certo ou não, parece-me arriscado mas se havia jogador que podia fazer esta transição directa era precisamente o Kidd.
    Acho que o Deron vai explodir com o Kidd no comando.

    ResponderEliminar
  2. Continuo sem perceber como é que Joe Johnson recebe o que recebe. Era preferível trocá-lo, porque assim tinham salary cap para um bom SG e para um SF. Também era merecido dar a titularidade ao Reggie Evans já no início da época, porque como se viu nesta ponta final de época, estava a exibir-se a grande nível.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. apanhar 20 ressaltos por jogo e depois nao saber defender nem atacar tornam o reggie num mau jogador quando o avalias globalmente, só ressaltos nao ganham jogos e ele tem tido o tempo de jogo que te nos nets porque simplesmente eles nao tem outras opções, nao se deve de certo ao seu rendimento em campo. tambem gosto dele e da sua energia mas admito que nao e um bom jogador e é uma das posiçoes para a qual os nets tem de procurar alternativas.

      Eliminar